Brigas pelo G-4 e contra o rebaixamento na Série C

foto selecão

Na reta final, a Série C do Campeonato Brasileiro entra este sábado (27) na 15ª rodada com quatro jogos importantes dos grupos A e B na disputa pela classificação para próxima fase e contra o rebaixamento. A rodada continua no domingo (28), com mais cinco partidas, e termina na segunda-feira (29) com um jogo.

Mogi Mirim-SP x Boa Esporte-MG – 15h30 – Romildo Ferreira – Mogi Mirim – SP

Mesmo que vença e torça contra o Ypiranga e o Juventude, o Mogi não consegue chegar ao G-4 nesta rodada, mas os três pontos serão importantes para manter viva a chance de classificação. Mesmo em terceiro lugar, com a competição nivelada, existe a possibilidade do Boa sair do G-4 se perder ou mesmo empatar esta partida.

Macaé-RJ x Ypiranga-RS – 16h – Moacyrzão – Macaé – RJ

O Macaé tem quatro rodadas para tentar escapar do rebaixamento e pela frente tem um jogo difícil contra o Ypiranga, que precisa vencer para manter-se na zona de classificação do Grupo B.

Fortaleza-CE x Salgueiro-PE – 16h – Arena Castelão – Fortaleza – CE

Apenas uma posição separa as duas equipes no Grupo A, mas a diferença de pontos é maior que três. Para o Salgueiro, ficar cada vez mais distante do rebaixamento é o mais importante. Já para o Fortaleza, a chance de G-4 é real.

Botafogo-PB x América-RN – 19h – Almeidão – Joao Pessoa – PB

O Botafogo é o vice-líder com os mesmos 23 pontos do primeiro colocado. Precisa vencer e secar o Remo para assumir a liderança do Grupo A. O América tem só três pontos a mais que o primeiro clube da zona de rebaixamento e também vai entrar em campo precisando da vitória.

FONTE: CBF

Arquivado em : Esportes
Veja Também
Esportes

Corinthians protocola pedido de suspensão do processo da Caixa

departamento jurídico do Corinthians entrou nesta sexta-feira (04/10/2019) com pedido de embargo ao processo movido pela Caixa Econômica Federal. O clube pede a suspensão da execução judicial, a retirada do nome da Arena Itaquera S/A do Serasa e a designação de audiência de conciliação. O diretor jurídico do clube, Fábio Trubilhano, enviou nota ao Estado […]