Médico enfaixa perna quebrada sobre roupa de paciente no interior de SP

Sorocaba – Uma mulher de 70 anos que fraturou a perna em uma queda, em Bariri, interior de São Paulo, teve o membro enfaixado sobre a calça e o tênis que usava ao receber atendimento médico na Santa Casa local. Dispensada após o procedimento, ela ficou dois dias sem poder tomar banho, trocar de roupa e foi obrigada a dormir de tênis.

O caso foi parar nas redes sociais e repercutiu na cidade. O hospital reconheceu que houve erro e afastou o médico temporariamente.

A dona de casa Maria Ivone Rodrigues Leme contou ter sofrido uma queda ao se levantar durante a noite e começou a sentir dores no joelho. Ela foi quatro vezes ao hospital até conseguir o atendimento. As radiografias mostraram uma fratura leve na perna, mas não havia ortopedista e Maria Ivone voltou para casa.

Como sentia muita dor, os familiares conseguiram ambulância para que fosse levada de volta ao hospital. Foi quando o médico plantonista decidiu enfaixar a perna sobre a roupa.

Ao visitar a mãe, Francisco Fernando Leme, filho da idosa, achou que aquilo era um descaso, fez fotos e postou em redes sociais. A repercussão foi imediata e muitas pessoas criticaram a atitude do médico. No mesmo dia, um enfermeiro da Santa Casa foi à residência e conduziu a mulher de volta ao hospital. Desta vez, o gesso foi aplicado corretamente.

Em nota, nesta sexta-feira, 26, a Santa Casa lamentou o episódio e informou que o médico responsável pelo atendimento foi afastado temporariamente. A conduta do profissional está sendo analisada pelo Conselho de Ética Médica do hospital.

FONTE: ESTADÃO

Arquivado em : Noticias Nacionais
Veja Também
Noticias Nacionais

“Presidente é que vai decidir”, diz Eduardo sobre Partido Militar

Alvo de processo de suspensão no PSL, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) comentou, neste domingo (03/11/2019), a possibilidade de migrar para o Partido Militar Brasileiro, cuja criação está sendo articulada pelo deputado Capitão Augusto (PL-SP). Segundo ele, a decisão vai ser do pai, o presidente Jair Bolsonaro (PSL). “O que o presidente determinar eu vou seguir”, declarou. […]

Noticias Nacionais

Nova ala não deve resolver superlotação na Papuda, avaliam especialistas

O Distrito Federal ocupa o terceiro lugar no ranking dos estados com o maior deficit de vagas no sistema penitenciário. Dados da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) mostram que, atualmente, há 16.688 mil internos para 7.398 mil vagas. Para tentar desafogar a superlotação do Complexo Penitenciário da Papuda, a SSP está construindo mais uma […]